MBTI - Tipos Psicológicos

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ir em baixo

Re: MBTI - Tipos Psicológicos

Mensagem por Krisayu em Seg Maio 28 2012, 00:32

O meu deu INTP, embora eu tenha lido a ISTP da Maeri e tenha me identificado com muita coisa do texto, inclusive as partes que ela grifou XD

http://inspiira.org/teste-de-personalidade/intp-o-arquiteto
avatar
Krisayu
Miezaru Ude
Miezaru Ude

Mensagens : 301
Data de inscrição : 11/08/2011
Idade : 24
Localização : Mais longe do que você nunca imaginou

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MBTI - Tipos Psicológicos

Mensagem por MadEmily ♥ em Seg Maio 28 2012, 14:14

Mad é INFJ - O Conselheiro ~

Seu modo principal de viver é focado internamente, absorvendo fatos primariamente através da sua intuição. Seu modo secundário é externo,através do qual você lida com as coisas de acordo com a maneira com que você se sente quanto a elas, ou de acordo com a maneira com que elas se encaixam no seu sistema pessoal de valores.

Você é uma pessoa gentil, carinhosa, complexa e altamente intuitiva. Artístico e criativo, você vive num mundo de significados e de possibilidades ocultas. Apenas 1% da população mundial tem características de personalidade como a sua, fazendo desse o tipo mais raro de todos.

Você dá grande importância a ter as coisas organizadas e sistematizadas no seu mundo exterior. Você emprega um grande bocado de sua energia identificando o melhor sistema possível para fazer as coisas acontecerem e constantemente define e redefine as prioridades na sua vida. Por outro lado, você funciona intuitivamente e de maneira totalmente espontânea dentro do seu mundo interior. Você conhece as coisas através da intuição, sem ser capaz de explicar exatamente por que, e sem ter um conhecimento detalhado do assunto. E você está freqüentemente certo, e sabe quando esse é o caso. Conseqüentemente, você põe muita fé nos seus instintos e nas suas intuições. Isto é algo como um conflito entre seu mundo interno e externo, e possivelmente resultando em você não ser tão organizado quanto a maioria das pessoas que preferem uma vida estruturada. Isso se demonstraria através de sinais de desordem (quando na verdade você teria uma tendência a ter as coisas organizadas), como por exemplo, no caso de uma mesa de trabalho aparentemente bagunçada.

Você tem uma compreensão intuitiva afiadíssima sobre pessoas e situações. Assim, você tem aquele feeling sobre as pessoas, entendendo-as intuitivamente. Como um exemplo extremo, você pode até relatar eventos de ordem sobrenatural, como por exemplo, sentindo algo forte que te diz que houve algum problema uma pessoa amada, e vir a descobrir depois que ele sofreu um acidente de carro. Esse é o tipo de coisa que as outras pessoas podem vir a tirar sarro, mas nem você realmente compreende sua intuição num nível que possa ser transformado em palavras, para que você possa explicar isso aos outros. Conseqüentemente, você acaba escondendo seu “eu interior”, dividindo seus sentimentos apenas com aqueles que você escolher dividir. Você é um indivíduo complexo e profundo, é bastante reservado, e tipicamente difícil de compreender. Você esconde boa parte de suas intenções, e pode ficar guardando dentro de si diversos segredos que você poderá não compartilhar com ninguém.
Mas você é uma pessoa tão genuinamente calorosa quanto é complexa. As pessoas mais próximas a você te querem muito bem e podem enxergar suas qualidades especiais e a profundidade com que você se importa com elas. Assim, você se importa com os sentimentos das outras pessoas e tenta ser gentil, evitando magoá-los. Você é muito sensível a conflitos, e não os tolera com facilidade. Situações que são carregadas de conflito podem te levar do seu estado normal e pacífico para um estado de agitação e raiva elevada. Sob estresse você tende a internalizar os conflitos no seu corpo, podendo desenvolver problemas de saúde.

Por você ter capacidades intuitivas tão fortes, você crê acima de tudo em seus próprios instintos. Isso pode resultar em você se tornar um cabeça-dura e a ignorar as opiniões das outras pessoas, pois você acredita que você está sempre certo. Por outro lado, você é um perfeccionista que sempre se pergunta se está utilizando todo seu potencial. Você raramente está em paz completa consigo mesmo, pois sempre há algo que você pode fazer para evoluir ou para melhorar o mundo à sua volta. Você acredita em crescimento constante, e geralmente não passa tempo se lembrando das suas conquistas. Você tem um forte sistema de valores, e precisa viver sua vida de acordo com o que sente ser o correto. Com relação ao seu lado emocional, você é de certa maneira gentil e tranqüilo. Por outro lado, você tem altas expectativas de si mesmo, e freqüentemente da sua família, e você não acredita em entrar num acordo quanto aos seus ideais.

Você naturalmente cuida das pessoas, é paciente, zeloso e super-protetor. Você pode ser um ótimo pai/mãe e gostará de criar laços fortes com seus filhos. Você tem altas expectativas deles, e os pressionam para ser o melhor que puderem, e isso pode se manifestar através de atitudes duras e inflexíveis para com eles. Mas, de um modo geral, seus filhos receberão uma educação forte e sincera de você, juntamente de muito carinho.

No ambiente de trabalho, você é atraído por áreas onde você possa ser criativo e trabalhar de uma maneira independente. Você tem uma afinidade natural para a arte, e pode também obter sucesso trabalhando com as ciências, onde você poderá utilizar sua intuição. Você também se dará bem em profissões orientadas à prestação de serviços. Você não é bom em lidar com coisas muito detalhadas ou com tarefas muito delicadas. Assim, você provavelmente tentará evitar esses tipos de situação, ou acabar indo para o lado oposto e se envolver tanto com os detalhes até o ponto de você perder a grande visão do seu propósito com aquilo. Se você tomar o rumo de ser meticuloso com os detalhes, você pode se tornar altamente crítico com as outras pessoas que não são assim tão meticulosas quanto você.

Mas lembre-se: você tem qualidades que pouquíssimos têm. A vida, porém, não será necessariamente mais fácil para você, mas saiba que você é capaz de obter incríveis conquistas pessoais, guiado pelos seus sentimentos profundos.

==============================================================================================

grande parte combina comigo, mas tem muita coisa tensa é claro!
por ex. "Como um exemplo extremo, você pode até relatar eventos de ordem sobrenatural, como por exemplo, sentindo algo forte que te diz que houve algum problema uma pessoa amada, e vir a descobrir depois que ele sofreu um acidente de carro" que coisa mais novela

Mas as profissoes citadas no outro site fazem muito sentido! por acaso estudo pra seguir 3 das profissoes da lista ~
avatar
MadEmily ♥
Ark
Ark

Mensagens : 483
Data de inscrição : 28/10/2011
Idade : 24
Localização : Delirium Kingdom ~

http://kalafinabrasil.wordpress.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MBTI - Tipos Psicológicos

Mensagem por dijadarkdija em Seg Maio 28 2012, 17:14

Refiz o meu e continua dando o mesmo, que pra mim parece muito comigo.

INFP - O Idealista:
Seu modo principal de viver é focado internamente, lidando com as coisas de acordo com a maneira com que você se sente quanto a elas, ou de acordo com a maneira com que elas se encaixam no seu sistema de valores pessoais. Seu modo secundário é exterior, através do qual você absorve fatos principalmente através da sua intuição.

Você, mais do que outras pessoas que são intuitivas e que dão mais ouvidos aos sentimentos do que à razão pura, é focado em fazer do mundo um lugar melhor para as pessoas. Sua primeira meta é encontrar o seu significado na vida, perguntando coisas do tipo: “Pra quê eu existo? Qual é o meu propósito? De que maneira eu posso melhor servir a humanidade durante a minha vida?” Você é uma pessoa idealista e perfeccionista, e se esforça ao extremo para atingir os objetivos que identificou para si mesmo.


Você é muito intuitivo sobre as pessoas. Você conta totalmente na sua intuição para te guiar, e usa suas descobertas para buscar constantemente o valor da vida. Você está numa missão contínua para encontrar a verdade e o significado das coisas. Cada interação e cada pedaço de sabedoria adquirida é filtrada pelo seu sistema de valores, e avaliada para ver se existe algum potencial para lhe ajudar a definir ou refinar mais ainda seu próprio caminho na vida. A meta final é sempre a mesma – você se esforça para ajudar as pessoas e para fazer do mundo um lugar melhor.

Em geral, uma pessoa gentil e de muita consideração, você é um bom ouvinte e deixa as pessoas à vontade. Mesmo que reservado ao expressar suas emoções, você se importa demais com os outros, e é genuinamente interessado em entender as pessoas. Esta sinceridade é percebida pelos outros, fazendo de você um amigo especial, e em que se pode confiar. Você geralmente é muito caloroso com as pessoas que você conhece bem.


Você odeia conflitos, e faz o que puder para evitá-los. Se você precisa encará-los, será sempre utilizando a perspectiva dos seus sentimentos. Em situações de conflito, você dá pouca importância para quem está certo e quem está errado. Você presta atenção à maneira com que você se sente quanto ao conflito, e não se importa muito se seus sentimentos estão ou não corretos. Você simplesmente não quer se sentir mal. Essa característica às vezes faz com que você aparente ser uma pessoa irracional e ilógica em situações de conflito. Por outro lado, você faria um ótimo papel de mediador, e tem facilidade de resolver os conflitos dos outros, porque você entende intuitivamente as perspectivas e os sentimentos das pessoas, e quer genuinamente ajudá-las.

Você é flexível e despreocupado, até que um de seus valores seja violado. Assim, se seu sistema de valores está sendo ameaçado, você pode se tornar agressivo, lutando com muita garra e paixão por sua causa. Quando você começa um projeto no qual se interessa, é muito comum que este se torne uma “causa” para você. Apesar de você não ser uma pessoa focada em detalhes, você cobrir cada detalhe necessário com vigor e determinação, enquanto lutando por essa sua causa.


Quanto a detalhes mundanos da vida (como lavar, limpar, passar, etc), você praticamente não está ciente deles. Você pode passar meses sem perceber as manchas no carpete, mas você cuidadosamente e meticulosamente remove aquele filetinho de poeira que caiu em cima do seu caderno de projetos.

Você não gosta de ter que lidar com fatos concretos e com lógica. Seu enfoque pessoal nos seus sentimentos e na condição humana torna difícil que você lide com decisões impessoais. Você não compreende nem acredita na validade de uma decisão que não leva as pessoas em consideração, fazendo de você uma péssima pessoa para tomar esse tipo de atitude. Você provavelmente evitará análises impessoais, apesar de poder desenvolver esta capacidade, e de conseguir ser bastante lógico. Sob estresse, é comum que você utilize a lógica de uma maneira errada quando, por exemplo, num momento de raiva, em que você cita fato após fato (e geralmente não completamente corretos) em uma explosão emocional.

Você tem padrões altíssimos e é um perfeccionista. Conseqüentemente, você é muito duro consigo mesmo, e não dá muito valor às suas conquistas. Você pode acabar tendo problemas na hora de trabalhar em um projeto em grupo, pois seus critérios e padrões tendem a ser bem mais altos do que os do resto do grupo. Nessas situações, você pode ter um problema de “controle”. Você precisa tentar equilibrar seus ideais com suas necessidades do dia-a-dia. Sem resolver este conflito, você nunca ficará feliz consigo mesmo, e pode ficar confuso e paralisado quanto ao que fazer de sua vida.

Pessoas como você geralmente são escritores talentosos. Você pode se sentir esquisito e desconfortável em se expressar verbalmente, mas você tem uma capacidade maravilhosa de definir e de expressar no papel o que você está sentindo. Você também gosta de participar de profissões de cunho social, como na área de aconselhamento ou de educação. Você se encontra o mais confortável e feliz possível quando trabalha pelo bem das pessoas, e onde você não precisa usar lógica intensamente.

Se você desenvolver suas potencialidades você poderá realizar feitos maravilhosos, apesar de que provavelmente você nunca irá reconhecê-los como tais. E lembre-se: algumas das pessoas que mais causaram desenvolvimentos humanísticos no mundo foram pessoas como você.
INFP - Crescimento Pessoal:
O que significa sucesso para um INFP?

Pessoas como você são criativas, as almas sensíveis que levam suas vidas muito a sério. Eles buscam harmonia e autenticidade em suas relações com os outros. Eles valorizam a criatividade, espiritualidade, e honrar o eu individual acima de tudo. Eles estão muito sintonizados com a desigualdade ea injustiça contra as pessoas, e têm grande satisfação de conquistar tais injustiças. Um INFP é um perfeccionista que raramente se permitem sentir bem sucedida, embora eles vão estar profundamente conscientes de falhas. Pessoas como você também terá a satisfação de estar em contato com sua criatividade. Para o sucesso, INFP pessoal depende da condição de seus relacionamentos mais íntimos, o desenvolvimento de suas habilidades criativas, e com o apoio contínuo da humanidade, servindo as pessoas em necessidade, lutando contra a injustiça, ou de alguma outra maneira trabalhando para tornar o mundo melhor lugar para estar.

Permitir que seus pontos fortes INFP a florescer

Como um INFP, você tem dons que são específicos para seu tipo de personalidade que não são os pontos fortes naturais para outros tipos. Ao reconhecer seus dons especiais e incentivar o seu crescimento e desenvolvimento, você vai ver mais facilmente o seu lugar no mundo, e como você pode usar melhor seus talentos para realizar seus sonhos.

Quase todos os INFPs reconhecerá as seguintes características em si mesmas. Eles deveriam abraçar e nutrir esses pontos fortes:
Altamente criativo, artístico e espiritual, eles podem produzir maravilhosas obras de arte, música e literatura. Pessoas como você são artistas naturais. Eles vão encontrar uma grande satisfação se incentivar e desenvolver suas habilidades artísticas. Isso não significa que um INFP tem que ser um famoso escritor ou pintor, a fim de se contentar. Simplesmente o ato de “criar” será uma fonte de renovação e cumprimento de refresco para o INFP. Um INFP deve permitir a si mesmo alguma saída artística, porque ele vai adicionar a energia positiva de enriquecimento e para a sua vida.
Eles são mais conscientes espiritualmente do que a maioria das pessoas, e estão mais em contato com sua alma do que outros. A maioria das Pessoas como você têm fé forte. Aqueles que não podem se sentir como se estivessem perdendo algo importante. Um INFP deve alimentar a sua fé.
Pessoas como você são muito conscientes da injustiça social, e simpatizar com o perdedor. Sua empatia com o underdog e hiper-consciência da injustiça social os torna extremamente compassivo e carinho para com os membros mais desfavorecidos da nossa sociedade. Pessoas como você vai se sentir mais útil e cumprida quando eles estão lutando para ajudar as pessoas que foram infelizes em nossa sociedade. Eles podem ser professores, ministros, escritores, conselheiros ou psicólogos, mas eles provavelmente irão todos passar mais tempo tentando ajudar as pessoas com problemas especiais. Um INFP pode encontrar uma quantidade enorme de satisfação pela promulgação de algum tipo de mudança social que vai ajudar os oprimidos.
Eles são normalmente bons ouvintes que realmente querem ouvir sobre os problemas de alguém, e quer genuinamente ajudá-las. Isto torna-os conselheiros excelente, e bons amigos. Um INFP pode encontrar grande satisfação de voluntariado como um conselheiro.
Eles aceitam e valorizam as pessoas como indivíduos, e são fortemente igualitária. Eles acreditam que um indivíduo tem o direito de ser eles mesmos, sem ter as suas atitudes e perspectivas trazidas sob escrutínio. Assim, eles têm uma grande dose de tolerância e aceitação lidar com pessoas que podem ser encontrados julgamento negativo da sociedade em geral. Eles podem ver algo positivo em todos. Eles acreditam nos indivíduos. Se eles se dão a oportunidade, um INFP pode se tornar uma fonte muito necessária de auto-estima e confiança para as pessoas que não pode encontrá-lo por conta própria. Desta forma, eles podem nutrir uma “alma doente” de volta à saúde.
Normalmente, profunda e inteligente, eles são capazes de compreender conceitos difíceis com relativa facilidade. Eles costumam fazer muito bem academicamente, e vai achar que educar suas mentes alimenta sua necessidade de pensar profundamente.

Pessoas como você que desenvolveram sua intuição extrovertida na medida em que eles podem perceber o mundo objetivamente sobre elas e rapidamente vai descobrir que eles apreciar estes presentes especiais:
Eles terão um grande insight sobre o caráter das pessoas. Eles rapidamente e completamente entender onde uma pessoa vem avaliando seus motivos e sentimentos. Estes indivíduos bem desenvolvidos INFP fazer psicólogos pendentes (como Isabel Briggs Myers-se) e conselheiros. Eles também podem ser grandes escritores de ficção, porque eles são capazes de desenvolver-se muito complexos, personagens reais.
Eles vão entender rapidamente situações diferentes, e captar rapidamente novos conceitos. Eles vão achar que eles são capazes de fazer qualquer coisa que eles colocaram sua mente, embora não possam encontrá-lo pessoalmente gratificante. As coisas podem parecer vir facilmente para estes INFPs. Embora eles são capazes de conquistar vários tipos de tarefas e situações, esses INFPs será mais feliz fazendo algo que parece verdadeiramente importante para eles. Embora eles podem achar que eles podem conseguir o tipo “mainstream” de sucesso com relativa facilidade, eles não são susceptíveis de encontrar a felicidade ao longo desse caminho, a menos que eles estão vivendo suas vidas com autenticidade e profundidade.
O INFP que aumenta a sua forte sistema de valores internos (o sentimento introvertido) com uma forma bem desenvolvida intuitiva de perceber o mundo (intuição extrovertida) pode ser uma poderosa força de mudança social. Seus valores intensas e forte empatia para a população pobre, combinada com um entendimento perspicaz de confiança e profunda do mundo em que vivemos, cria um indivíduo com o poder de fazer a diferença (como Madre Teresa – um INFP).

Potenciais áreas problemáticas

Com qualquer dom da força, existe uma fraqueza associado. Sem “bad”, não haveria “bom”. Sem “difícil”, não haveria “fácil”. Nós valorizamos os nossos pontos fortes, mas muitas vezes amaldiçoar e ignorar nossas fraquezas. Para crescer como pessoa e conseguir o que quer da vida, devemos não só capitalizar sobre os nossos pontos fortes, mas também enfrentar os nossos pontos fracos e lidar com eles. Isso significa tomar um olhar duro em áreas de nosso tipo de personalidade de problemas potenciais.

Pessoas como você são raras, seres inteligentes e criativos, com muitos dons especiais. Eu gostaria que o INFP ter em mente algumas das muitas coisas positivas associadas com ser um INFP enquanto liam algum deste material mais negativo. Também lembre-se que as deficiências associadas a ser um INFP são naturais para o seu tipo. Embora possa ser deprimente ler sobre as fraquezas do seu tipo, por favor, lembre-se que oferecemos esta informação para decretar mudanças positivas. Queremos que as pessoas a crescer em seu próprio potencial e viver uma vida feliz e bem sucedida.

A maioria das características mais fracas que são encontrados em INFPs são devido à sua função sentimento dominante ofuscando o resto de sua personalidade. Quando a função dominante de sentimento introvertido ofusca tudo o resto, o INFP não pode usar a intuição extrovertida levar em informações de uma forma verdadeiramente objetiva. Em tais casos, uma INFP pode mostrar algumas ou todas as seguintes deficiências em graus variados:

Pode ser extremamente sensível a qualquer tipo de crítica
Pode perceber a crítica onde não se destina
Podem ter idéias distorcidas ou irrealistas sobre a realidade
Pode ser incapaz de reconhecer ou ouvir qualquer coisa que vai contra as suas ideias e opiniões pessoais
Pode culpar os seus problemas em outras pessoas, vendo-se como vítimas que são tratados injustamente
Pode ter grande ira, e mostrar-lhe a raiva com efusões onda de mau humor
Podem não estar cientes do comportamento social adequado
Pode ser alheio à sua aparência pessoal, ou a vestir-se adequadamente
Pode vir transversalmente como excêntrico, ou talvez mesmo, geralmente estranho para os outros, sem ter consciência de que
Pode ser incapaz de ver ou entender qualquer outra pessoa do ponto de vista
Podem valorizar suas próprias opiniões e sentimentos muito acima outros
Podem não estar cientes de como seu comportamento afeta os outros
Pode ser alheio à necessidade de outras pessoas
Pode sentir-se sobrecarregados com a tensão eo estresse, quando alguém expressa desacordo com o INFP, ou desaprovação do INFP
Podem desenvolver juízos fortes que são difíceis de ser desfeitos contra as pessoas que percebem ter sido opressivo ou supressiva para eles
Sob grande estresse, pode obcecar sobre detalhes que não são importantes para o panorama geral das coisas
Sob estresse, pode obsessivamente meditar sobre um problema repetidamente
Podem ter expectativas irrealistas de outros
Pode ter dificuldade em manter relacionamentos íntimos, devido a expectativas irracionais

Explicação dos Problemas

Quase todas as características problemáticos descritos acima podem ser atribuído, em vários graus para o problema INFP comum de apenas tendo em dados que justifica a sua opinião pessoal. Pessoas como você geralmente são pessoas muito intensas e sensíveis, e sentir-se seriamente ameaçada pela crítica. Eles são susceptíveis de tratar qualquer ponto de vista diferente do seu como uma crítica de sua própria perspectiva. Se o INFP não aprender a lidar com essa crítica percebido, o INFP começará a excluir as informações de entrada que faz com que a dor. Esta é uma técnica natural survivalistic para a personalidade INFP. O principal motor para a personalidade INFP é o sentimento introvertido, cuja finalidade é manter e honrar um sistema intensamente pessoal de valores e da moral. Se um sistema INFP valor pessoal está ameaçada por influências externas, o INFP fecha os dados ameaçadores, a fim de preservar e honrar seu sistema de valores. Isso é totalmente natural, e funciona bem para proteger a psique individual de se machucar. No entanto, o INFP que exerce este tipo de auto-protecção regularmente se tornará mais e mais conhecimento da perspectiva de outras pessoas, e assim mais e mais isolado a partir de uma compreensão real do mundo que eles vivem, Eles vão sempre encontrar justificação para sua própria comportamentos inadequados, e sempre vai encontrar a falha com o mundo externo para os problemas que eles têm em suas vidas. Vai ser difícil para eles manter estreitas relações pessoais, porque eles vão ter expectativas razoáveis, e será incapaz de aceitar a culpa.

A sua não é uma tendência incomum para o INFP a olhar para o mundo externo principalmente para obter informações que irão sustentar suas idéias e valores. No entanto, se esta tendência é dado rédea solta, a personalidade INFP resultante é demasiado egocêntrico para ser feliz ou bem-sucedido. Como a função dominante do INFP a sua personalidade é o sentimento introvertido, eles devem equilibrar isso com uma função auxiliar extrovertido intuitivo. O INFP leva em informações via iNtuition extrovertida. Esta é também a principal forma INFP de lidar com o mundo externo. Se o INFP usa a intuição extrovertida apenas para servir aos propósitos de sentimento introvertido, então o INFP não está usando Extroversão efetivamente em tudo. Como resultado, o INFP não leva em informações suficientes sobre o mundo exterior para ter uma boa noção do que está acontecendo. Eles não vêem nada, mas a sua própria perspectiva, e lidar com o mundo só medida em que eles precisam, a fim de apoiar a sua perspectiva. Essas pessoas geralmente vêm transversalmente como egoísta e irreal. Dependendo da gravidade do problema é, eles podem aparecer para ser qualquer coisa de “um pouco excêntrico” a “forma lá fora”. Muitas vezes, outras pessoas são incapazes de compreender ou se relacionar com essas pessoas.

Soluções

Para crescer como pessoa, o INFP precisa se concentrar em abrir a sua perspectiva para incluir uma imagem mais precisa do que realmente está acontecendo no mundo. A fim de estar em uma posição em que o INFP é capaz de perceber e considerar dados que é estranho a seu sistema de valores interno, o INFP precisa saber que seu sistema de valores não é ameaçada por novas informações. O INFP deve conscientemente dizer a si mesmo / ela mesma que uma opinião que não concede com a sua própria não é uma acusação do seu caráter inteiro.

O INFP que está preocupado com o crescimento pessoal vai prestar muita atenção para a sua motivação para a tomada de informações. Levam em informações para entender melhor uma situação ou conceito? Ou, eles levam em informações para apoiar uma idéia pessoal ou causa? No momento em que algo é percebido, é o INFP preocupado com a torção que a percepção se encaixar com seus valores pessoais? Ou será que ele / ela preocupada com absorvendo a informação objetiva? Para uma melhor compreensão do mundo externo, o INFP deve tentar perceber a informação objetiva, antes de colocar-lo em seu sistema de valores. Eles devem ser conscientemente ciente de sua tendência para descartar qualquer coisa que não está de acordo com seus valores, e trabalhar para diminuir essa tendência. Eles devem tentar ver as situações a partir de perspectivas de outras pessoas, sem fazer julgamentos pessoais sobre as situações ou perspectivas das outras pessoas. Em geral, eles devem trabalhar no exercício de sua intuição em um sentido verdadeiramente extrovertido. Em outras palavras, eles devem usar a intuição para tomar informações sobre o mundo em torno deles por uma questão de compreender o mundo, ao invés de levar em informação para apoiar as suas próprias conclusões. O que INFP sucesso percebe as coisas objetivamente pode ser completamente uma força poderosa para a mudança positiva.

Vivendo felizes em nosso mundo como um INFP

Algumas Pessoas como você têm dificuldade em caber em nossa sociedade. Seus problemas são muitas vezes resultado de um desconhecimento do comportamento social adequado, um desconhecimento de como eles se deparam com os outros, ou expectativas irrealistas dos outros. Qualquer um destes três questões derivam usando iNtuition extrovertido de uma forma reduzida. Um INFP que leva em informações para o bem de compreender o mundo ao redor deles, ao invés de alguém que leva em informações apenas para apoiar as suas próprias ideias, terá uma compreensão mais clara, mais objetiva de como a sociedade valoriza comportamentos e atitudes sociais. Ele ou ela também estará mais ciente de como eles são percebidos pelos outros, e têm expectativas mais realistas para o comportamento dos outros dentro de um relacionamento. Tais bem-ajustadas INFPs caberá felizes em nossa sociedade.

A menos que você realmente entender o tipo psicológico e as nuances das funções de personalidade diferentes, é uma tarefa difícil, de repente, começar a usar a intuição em uma direção extrovertida. É difícil até mesmo entender o que isso significa, muito menos para incorporar esta directiva para a sua vida. Com isso em mente, eu estou fornecendo algumas sugestões específicas que podem ajudar você a começar a exercer a sua intuição extrovertida mais completa:

Tome cuidado para perceber o que as pessoas olham como em diferentes situações sociais. Olhe para o seu cabelo, sua pele, a maquiagem (ou falta dela), suas roupas, a condição de suas roupas, seus sapatos, suas expressões faciais. Não compare os outros a sua própria aparência, ou juízos de valor sobre sua aparência, simplesmente absorver a informação.
Pense em uma situação em sua vida em que não tinham certeza de como se comportar. Agora tente entender como uma ou duas outras pessoas veriam a situação. Não compare seu comportamento à sua própria, ou seja, “ela saberia melhor do que eu o que fazer”, ou “por que é tão fácil para ela, mas tão difícil para mim”. Em vez disso, tentar entender como eles veriam a situação. Seria ser visto como um problema, ou como uma oportunidade? Será que ser levado a sério ou levemente? Tente determinar seu ponto de vista, sem julgar ou compará-la com o seu próprio.
Ao ter uma conversa com um amigo ou parente, dedicar pelo menos metade do seu tempo para falar sobre a outra pessoa. Concentre-se em entender realmente quando a pessoa está vindo com suas preocupações. Faça perguntas.
Pense nas pessoas que estão mais próximas de você. Como você acha de cada pessoa, diga a si mesmo “esta pessoa tem a sua própria vida acontecendo, e eles estão mais preocupados com sua própria vida do que com a minha.” Lembre-se que isso não significa que eles não se importam com você. É a ordem natural das coisas. Tente visualizar o que essa pessoa está fazendo agora. Quais são as coisas que encontro, que pensamentos estão tendo? Não julgar, ou comparar sua situação com o seu.
Tente identificar o tipo de personalidade de todos que você entrar em contato com qualquer comprimento de tempo.

Dez regras para se viver para alcançar o sucesso INFP

Alimente seus pontos fortes! Encoraje os seus naturais habilidades artísticas e criatividade. Alimente sua espiritualidade. Dê-se oportunidades para ajudar os necessitados ou carentes.
Encare suas fraquezas! Compreender e aceitar que alguns traços são os pontos fortes e alguns pontos fracos. Encarar e lidar com suas fraquezas não significa que você tem que mudar quem você é, isso significa que você quer ser o melhor Você possível. Ao enfrentar seus pontos fracos, você está honrando o seu verdadeiro eu, em vez de atacar a si mesmo.
Expresse seus sentimentos. Não deixe que as emoções não expressas crescer dentro de você. Se você tem sentimentos fortes, separá-los e expressá-los, não deixe que eles cresçam ainda mais até o ponto onde eles se tornam incontroláveis!
Ouça Tudo. Tente não julgar nada imediatamente. Deixe de molho em tudo por algum tempo, em seguida, aplicar o julgamento.
Sorria para críticas. Lembre-se que as pessoas nem sempre concordam com você, ou compreendê-lo, mesmo que eles valorizam muito você. Tente ver discordância e crítica como uma oportunidade de crescimento. Na verdade, é exatamente o que é.
Esteja ciente de Outros. Lembre-se que existem 15 tipos de personalidade outros lá fora, que vêem as coisas de forma diferente do que você vê-los. Tente identificar os tipos de outras pessoas. Tente entender as suas perspectivas.
Seja responsável por si mesmo. Lembre-se que você tem mais controle sobre sua vida do que qualquer outra pessoa tem.
Seja delicada com suas expectativas. Você sempre vai se decepcionar com os outros, se você esperar muito deles. Ser decepcionado com outra pessoa é a melhor maneira de afastá-los. Trate os outros com a mesma gentileza que você gostaria de ser tratado com.
Assuma o melhor. Não se aflija por assumir o pior. Lembre-se que uma atitude positiva, muitas vezes cria situações positivas.
Em caso de dúvida, faça perguntas! Não suponha que a falta de feedback é a mesma coisa que o feedback negativo. Se você precisa de retorno e não tem nenhum, pergunte para ele.

E é uma pena eu não manjar muito de inglês pra ler direito, por que em português tem umas coisas que só decifrando, véi. Eles traduziram via google?
avatar
dijadarkdija
Ori no Naka no Yuugi
Ori no Naka no Yuugi

Mensagens : 2365
Data de inscrição : 28/01/2011
Idade : 25
Localização : João Pessoa-PB, Ou um universo paralelo. Depende do meu humor, o que comi, a fase da lua...(?)

http://artedaviajosidade.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MBTI - Tipos Psicológicos

Mensagem por MadEmily ♥ em Ter Maio 29 2012, 11:15

deve ter sido ~

pq, olha o meu:
Assim, você tem aquele feeling sobre as pessoas

vou fazer em inglês depois ~
avatar
MadEmily ♥
Ark
Ark

Mensagens : 483
Data de inscrição : 28/10/2011
Idade : 24
Localização : Delirium Kingdom ~

http://kalafinabrasil.wordpress.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MBTI - Tipos Psicológicos

Mensagem por Paula Roveroni em Seg Jul 15 2013, 02:57

Apenas repostando aqui porque eu fiz o teste agora e deu INFP. q Já é a terceira vez que dá INFP quando faço o teste, mas dá a maioria ISFP. @_@

O que é estranho porquê:

Introverted (I) 51.35% Extroverted (E) 48.65%
Intuitive (N) 61.9% Sensing (S) 38.1%
Feeling (F) 63.89% Thinking (T) 36.11%
Perceiving (P) 57.14% Judging (J) 42.86%

Meu S tá muito menor que o N dessa vez, antes era mais meio a meio. qq Enfim, agora fico em dúvida entre o S e o N. @_@ Sacanagem q
avatar
Paula Roveroni
Ori no Naka no Yuugi
Ori no Naka no Yuugi

Mensagens : 1573
Data de inscrição : 07/08/2010
Idade : 21
Localização : Dentro de uma gaiola, me perguntando quem está mentindo no mundo de Roman.

http://elysiun.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MBTI - Tipos Psicológicos

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum